Relações públicas em Marketing.

Nesta nova era tecnológica, é fato que o efeito das Relações Públicas no Marketing levou ao surgimento de novas marcas muito mais rápido.
Escrito por

Este posto também está disponível em: English Español Deutsch Italiano Português Français Русский

A opinião de Carlos -
Relações Públicas em Marketing.

Minha experiência na Bechtle também me incluiu para aprender sobre relações públicas.

Fiz parte da Comunicação Corporativa durante um ano e, nesse ano, também aprendi com os melhores especialistas no tema.

Certamente, meu tempo foi uma tentativa da mistura entre comunicação corporativa e marketing.

Nosso objetivo era nos fundir em áreas que podem parecer semelhantes, mas que têm objetivos diferentes.

De um lado, a Comunicação Corporativa visava o posicionamento da marca, como no caso do Marketing Digital, o objetivo era a geração de leads.

Portanto, certamente, a adaptação foi complicada para estruturar a nova equipe.

Mas é isso que o Marketing Digital está trazendo.

Comunicação Corporativa, Marketing e até mesmo Vendas, devem trabalhar em conjunto para trabalhar em sua estratégia geral de comunicação.

Quando se vai a qualquer plataforma de mídia social empresarial, mal se distingue se o conteúdo foi criado pela Comunicação Corporativa, Marketing ou Vendas.

Provavelmente, pelo tipo de mensagem, a diferença pode ser notada, mas é difícil saber, do ponto de vista do consumidor, qual departamento está trabalhando em uma determinada área.

As Relações Públicas em Marketing estão trazendo essa interação humana entre as partes.

O marketing não é mais um anúncio extravagante, ele está indo mais fundo na compreensão do público.

E como realmente entender o público?

Na minha opinião, o trabalho feito para construir relações é também um trabalho feito por uma equipe, independentemente da área em que se encontram.

O que é Relações Públicas?

Hoje, o empreendedorismo decolou graças às oportunidades que esses pequenos e médios empreendedores obtiveram de diferentes entidades.

Entretanto, nesta era tecnológica, é impossível ignorar que o efeito das Relações Públicas em Marketing tornou o surgimento de novas marcas praticantes muito mais rápido.

Isto se deve ao fato de que especialistas nesta área encontraram uma maneira de replicar os benefícios e princípios das Relações Públicas, a fim de manter o setor empresarial no leme.

Agora, vamos aprender um pouco mais sobre as mudanças e benefícios que as Relações Públicas em Marketing podem trazer ao seu negócio.

As Relações Públicas são entendidas como o conjunto de processos de comunicação que estão alinhados com um plano estratégico que visa construir relações que beneficiem o público e as organizações de forma recíproca.

Desde tempos passados, as empresas sempre confiaram na reputação que ganham de seus clientes para se tornarem mais bem-sucedidas e prósperas.

Entretanto, quando um negócio começa a se expandir, é preciso mais do que reputação.

Graças às Relações Públicas, eles podem contar com opções tais como:

Definir os valores que definem tanto a empresa quanto o produto ou serviço.

Estabelecer o tom de voz de sua comunicação.

Cultivar a marca.

Tudo isso é conseguido graças ao excelente trabalho do departamento de Relações Públicas, que está encarregado de fazer o cliente entender tudo o que sua empresa tem a oferecer.

No entanto, por incrível que pareça, as Relações Públicas são constituídas pela integração de três ramos principais:

Relações Públicas.

Publicidade.

Jornalismo.

Essas áreas definem o trabalho de promoção de produtos e fidelização de clientes através da marca.

Entretanto, uma das formas mais claras de entender o trabalho deste ramo é alinhar as Relações Públicas em Marketing, mas antes, vamos desenvolver um pouco de seu conteúdo.

5 elementos de Relações Públicas.

Organizações.

Formado por um grupo de pessoas que têm um objetivo comum.

As organizações podem ser representadas por: uma ONG, um Governo, uma Empresa, entre outros.

O Público.

Eles são semelhantes às organizações, pois também podem ser compostos de diversas origens sociais que podem cobrir um grande território.

No entanto, em geral, a definição de público em RP refere-se à interação que uma ou mais pessoas têm com uma determinada organização.

Processos de comunicação.

Se a organização e o público requerem um meio para que o relacionamento seja estabelecido, os processos de comunicação são o elo que permite que isso ocorra.

É do intercâmbio de necessidades e transações que se extrai o recurso para elaborar um plano de Relações Públicas eficaz.

São todos aqueles que surgem de uma forma multilateral e espontânea que permitem que os diferentes públicos envolvidos se entendam e fortaleçam os laços.

Intercâmbio de relacionamentos

O público e as organizações sempre se relacionam entre si, o que leva à formação de dinâmicas que agregam valor à interação de ambas as partes.

O papel que as Relações Públicas assumem.

O papel das Relações Públicas é intervir a fim de dar ordem aos processos de intercâmbio e vínculos que ocorrem entre as organizações e o público.

O maior benefício que as organizações obtêm da RP é que ela lhes permite criar uma apreciação positiva da marca e dos serviços que ela oferece, por parte do cliente.

Por sua vez, graças ao RP, o público pode obter uma imagem mais clara das organizações, o que lhe dá confiança suficiente para expressar seus desacordos quando o produto ou serviços adquiridos não corresponderam às suas expectativas.

Diferenças entre Relações Públicas e Marketing.

Para ser honesto, se quisermos comparar os benefícios que a dupla de Relações Públicas e Marketing trouxe para as organizações, devemos primeiro marcar as diferenças, pois será isso que esclarecerá nossa visão sobre como alinhar ambos os ramos em favor de nossa marca.

Cobertura.

O marketing se concentra em cobrir campanhas publicitárias e promoções que atrairão o público e aumentarão as vendas.

As relações públicas se concentram no posicionamento da imagem e reputação da organização através de links com a cobertura da mídia.

Público.

O marketing está encarregado de atingir os clientes potenciais e atuais.

As relações públicas garantem que a relação gerada pela troca de transações seja mantida em um foco positivo.

Deve-se notar que este papel se aplica igualmente aos clientes externos e aos clientes internos e colaboradores da empresa.

Objetivo.

O principal objetivo do marketing é atingir o maior número de consumidores através de estratégias que os levem a pensar que a marca de uma organização específica é a que eles precisam.

As Relações Públicas, por outro lado, otimizam os canais de comunicação para que os clientes possam entrar em contato com a organização e através dos quais ela possa responder a eles.

Em resumo, assegura um contato positivo entre o público e a organização.

Legitimidade da comunicação

Nesta premissa, tanto a RP quanto o Marketing alinham seus esforços, pois sabem que somente através de canais de comunicação transparentes podem alcançar o objetivo principal da empresa, que é aumentar as vendas e manter a fidelidade dos clientes.

Investimento.

Marketing gerenciar orçamento a fim de posicionar a marca através de promoção.

As relações públicas baseiam os resultados ROI em estatísticas de percepção e crenças antigas e atuais, a fim de moldar a marca para atender às expectativas do público em todos os momentos.

Visão.

O marketing estabelece metas de momentum de marca com objetivos mensuráveis a curto prazo.

O RP é visto como um investimento a longo prazo, pois os benefícios do crescimento da marca só podem ser medidos nessa ordem cronológica.

O que faz um profissional de Relações Públicas?

Quando se trata de definir as funções de um Diretor de Relações Públicas, é necessário medir as dimensões e o alcance de sua gestão através de planos estratégicos que envolvem tanto os resultados da imagem da empresa quanto as ações de mudança a serem tomadas.

Para uma organização, Relações Públicas é a chave para centralizar as demandas dos clientes que tentam contatá-los, após o que o ambiente de negócios não é afetado além do que é estimado.

É por isso que trouxemos as principais funções de Relações Públicas:

Projetar planos de comunicação que permitam aos clientes e organizações estabelecer meios de contato.

Este trabalho não é fácil, mas é a maneira mais viável de obter resultados verdadeiros. Para o profissional de relações públicas, a empresa deve ser representada com uma visão holística focada no serviço, nos valores e no cumprimento dos objetivos.

Manter contato com a imprensa através de comunicados de imprensa que fornecem informações sobre o status da marca.

Para este trabalho, a pessoa de relações públicas deve certificar-se de ter as ferramentas para usar corretamente palavras, gestos e tom de voz, a fim de evitar mal-entendidos que possam afetar a marca.

Para organizar eventos.

Isto permitirá cobrir a fidelidade dos clientes, medindo ao mesmo tempo a reação coletiva dos clientes à marca.

Conduzir pesquisa de mercado.

Isto para ficar à frente dos clientes potenciais e do comportamento atual do consumidor. Para este trabalho, as Relações Públicas são geralmente alinhadas com outros departamentos da organização, tais como Marketing.

Gerenciar relacionamentos e contatos a fim de cobrir os consumidores da maneira correta e através da mídia correta.

Isto fará com que o público sinta que a empresa os ouve e leva em conta sua opinião.

Criar conteúdo em alinhamento com o departamento de Marketing.

Além de impulsionar o trabalho do departamento de RP, permite que a marca seja conhecida através dos meios de comunicação que são atualmente os mais utilizados pelos clientes.

Gerenciar crises a fim de prevenir.

Controlar e reduzir a margem de dano que a organização pode sofrer em caso de eventualidades.

Contentar-se com comentários, críticas e opiniões tanto da concorrência quanto dos clientes.

As Relações Públicas em Marketing sabem que agradar 100% dos consumidores é um trabalho titânico, por isso estão preparadas para enfrentar os contendores com armas de negociação.

Consultoria em comunicação.

É. permite conhecer os modelos e os meios para estabelecer um contato eficaz com os consumidores. Esta ferramenta deve ser trabalhada constantemente, devido às mudanças provocadas pela era tecnológica.

Relações Públicas e Marketing.

Atualmente, Relações Públicas e Marketing são ramos que devem coexistir a fim de impulsionar as marcas.

Ambos devem se concentrar na comunicação do objetivo da organização.

Relações Públicas e Marketing estão preocupados em gerar e manter a fidelidade dos clientes.

Eles baseiam seus resultados em projeções e estudos de mercado que lhes permitem expandir e redesenhar a imagem da empresa junto aos clientes.

Além disso, ambos dependem da mídia para fazer com que a marca chegue a todos os consumidores.

Além disso, eles promovem o contato inteligente com o cliente.

É apenas uma linha tênue que separa as tarefas e objetivos entre Relações Públicas e Marketing.

Certamente, a nova tendência de Venda Social, poderia ser também uma relação pública disfarçada em Marketing.

Considerando que plataformas como o Linkedin se tornou uma ferramenta para trazer à tona as relações públicas.

Referências.

Mais sobre Marketing de Conteúdo.